• Jornal Esporte e Saúde

Belezas do arquipélago de Sant’Anna são mostradas em vídeo



O Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade (antigo Nupem), da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), executou projeto para formatação de vídeo sobre a Ilha de Sant’anna, um dos principais cartões postais de Macaé. O objetivo foi celebrar os dias mundiais de Meio Ambiente (05 de junho) e dos Oceanos (08 de junho). O arquipélago é um Parque Municipal e Área de Preservação Ambiental (APA), pela Lei Municipal 1216, de 1989, e regulamentado pelo decreto 018/2011.


Segundo o organizador do documentário, o professor e doutor em Ciências Biológicas, Carlos Barbosa, o trabalho registrou belas paisagens do arquipélago macaense e incluiu informações relacionadas à fauna e à flora.


"O vídeo é fruto de múltiplos esforços de pesquisa envolvendo dezenas de alunos de graduação, pós-graduação e diversos outros pesquisadores. Chama atenção a exuberante paisagem e riqueza natural do litoral de Macaé. As ilhas do Francês, Ilhote Sul e Sant’Anna formam uma unidade de conservação muito importante da nossa costa", afirma Barbosa.


- O conteúdo do vídeo


Com cinco minutos de duração, o documentário https://www.youtube.com/watch?v=qLwZ6LcGQAc&feature=youtu.be registra também imagens e informações de diversas espécies. Um exemplo é o fato destas ilhas serem local de descanso e reprodução para gêneros de aves marinhas. A principal delas é o atobá-marrom, que habita e se reproduz em rochedos. Dezenas de espécies de macroalgas marinhas já foram registradas nas ilhas. Muitas delas são fontes de compostos bioativos utilizados na produção de novos medicamentos.


Dentre as mais de 150 espécies de peixes registradas, muitas são importantes para a pesca da região, como o pargo-rosa, corvina, sardinhas e pescadas. Linhagens de peixes ameaçados de extinção também são encontradas lá, incluindo o tubarão-mangona, o tubarão-baleia e diversas espécies de raias, como as raias-viola.


Veja o video:


https://mail.google.com/mail/u/0/?tab=rm&ogbl#inbox/FMfcgxwJWXbpmGMrrKMgmFkNjrJGfbCQ?projector=1


- Pesquisadores estimulam ações e estudos


Além de Carlos Barbosa, os doutores em biologia do Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade que promoveram o vídeo foram Emiliano Calderon, Lísia Gestinari, Luciano Fischer, Patrícia Mancini e Paula Debiasi.


Os profissionais do Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade (Nupem) contam com a colaboração de pesquisadores do Museu Nacional do Rio de Janeiro/UFRJ. Eles também são apoiados pela Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro (Faperj) e pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio), através do Projeto Pesquisa Marinha e Pesqueira.


As atividades de pesquisa estão relacionadas ao Projeto Coral Vivo, Projeto Multipesca e Projeto Costões Rochosos. Todas as atividades são frequentemente divulgadas na página do Instituto de Biodiversidade e Sustentabilidade Nupem/UFRJ (https://www.macae.ufrj.br).


* Jornalista: Alexandre Bordalo/Fotos: Divulgação/Prefeitura de Macaé/Secretaria de Comunicação Social/Coordenadoria de Jornalismo.














5 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por JORNAL ESPORTE SAÚDE. Orgulhosamente criado com CRIATIVA WEB & PUBLICIDADE