• Jornal Esporte e Saúde

Brasil sofre, mas vence Azerbaijão no tie-break e fica a uma vitória de Tóquio 2020

Seleção Brasileira sai na frente, mas encontra dificuldades e precisa do quinto set para vencer segundo jogo do Pré-Olímpico



Foto: FIVB.



Tudo parecia caminhar a favor do Brasil na segunda rodada do Pré-Olímpico. Parecia. Depois do primeiro set tranquilo, o time de José Roberto Guimarães caiu de rendimento e viu o Azerbaijão crescer no jogo. Os ataques com bola alta nas extremidades e o bom saque adversário dificultaram a vida do Brasil. A saída foi contar com as bolas de meio para empatar no quarto set e vencer a partida no tie-break: 3 sets a 2 (parciais de 25/13, 23/25, 21/25, 25/19 e 15/12), em 2h10, na Arena Sabiazinho, em Uberlândia. Com 26 pontos, Polina Rahimova foi a maior pontuadora do jogo. Pelo lado brasileiro, Gabi anotou 17 e Mara 15.


Com o resultado, o Brasil lidera momentaneamente o Grupo D com cinco pontos. A República Dominicana, com três pontos, entra em quadra às 16h45 contra Camarões. Mesmo perdendo pontos na segunda rodada, a seleção brasileira ainda depende só dela para carimbar o passaporte para Tóquio 2020. Basta vencer a República Dominicana por 3 sets a 0 ou 3 sets a 1 para não depender de nenhum critério de desempate.


Agenda


Na terceira e decisiva rodada, o Brasil pega a República Dominicana neste sábado, às 10h. A seleção de Camarões enfrenta o Azerbaijão, às 12h30. As duas partidas serão no Sabiazinho. O jogo do Brasil terá transmissão da TV Globo e do SporTV 2. O GloboEsporte.com acompanha a partida em tempo real.


* Globoesporte.




1 visualização

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por JORNAL ESPORTE SAÚDE. Orgulhosamente criado com CRIATIVA WEB & PUBLICIDADE