• Jornal Esporte e Saúde

Cano faz três, Vasco bate Macaé e seca Volta Redonda para depender só de si na rodada final da Taça

Argentino marca de um pênalti e mostra oportunismo nos outros dois; Vinícius é outro destaque vascaíno na estreia de Ramon Menezes como treinador



Cano comemora gol do Vasco contra o Macaé (Foto: André Durão).


Em seu retorno ao Campeonato Carioca, o Vasco não teve dificuldades para vencer por 3 a 1 o Macaé, em São Januário, neste domingo. O argentino Germán Cano foi o grande nome da tarde, com três gols. Ele agora soma oito na temporada em 12 jogos - cinco destes no estadual.


O Vasco resolveu a parada no primeiro tempo. Cano abriu o placar em pênalti mal marcado, de acordo com Sandro Meira Ricci. O argentino bateu muito bem, sem chances para Jonathan. Nos outros, aproveitou chute errado de Benítez e excelente passe de Fellipe Bastos. Jones descontou para o Macaé em falha de Fernando Miguel, que acabara de fazer defesaça no lance anterior.


Vivo na Taça Rio, Vasco seca o Voltaço


Virtual eliminado antes da rodada, o Vasco voltou a respirar e bem na Taça Rio. O Madureira, adversário vascaíno na próxima rodada, perdeu para o Resende. Assim, o Vasco precisa bater o Tricolor Suburbano na próxima quarta-feira e torce para o Volta Redonda fazer no máximo três pontos nos próximos dois jogos.


Neste domingo, às 19h, no Nilton Santos, enfenta o Fluminense. Se o Voltaço fizer quatro pontos e o time de Ramon vencer o Madureira, o saldo de gols definirá o segundo classificado do Grupo B.


Na segunda etapa, o Vasco pouco agrediu, mas ainda perdeu três chances claras. Pikachu desperdiçou uma no início, após excelente passe de Andrey. Cano errou nas outras duas cristalinas oportunidades.


* https://globoesporte.globo.com/.





0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por JORNAL ESPORTE SAÚDE. Orgulhosamente criado com CRIATIVA WEB & PUBLICIDADE