• Jornal Esporte e Saúde

Kaká lamenta ambiente da Copa de 2006 e elege 2002 como maior conquista.

Atualizado: 28 de Dez de 2018

O ex-meia Kaká, será o convidado do "Grande Círculo", o novo programa do SporTV, que na semana recebeu o técnico da seleção brasileira Tite.



Em trecho compartilhado de forma prévia pela emissora, o ex-jogador falou sobre a maior conquista de sua carreira, a frustrante campanha na Copa do Mundo de 2006 e o feito de ter sido eleito o melhor jogador do Mundo pela Fifa, em 2007.


De todos os títulos conquistados, Kaká escolheu a Copa do Mundo de 2002 como o maior, mesmo com apenas 23 minutos jogados.

"Copa do Mundo de 2002 [minha maior conquista]. Mesmo tendo jogado só 23 minutos contra a Costa Rica. Até brinco que é o número da minha camisa naquela Copa. A conquista da Copa é muito grande, é muito legal. Se eu pudesse escolher, seria esse título", afirmou o ex-São Paulo.

Depois de ser um dos grandes responsáveis pelo título da Liga dos Campeões da temporada 2006-2007, Kaká foi eleito o melhor jogador do mundo em 2007. Ele reconhece que não tem a mesma qualidade dos outros brasileiros que também conquistaram o prêmio (Romário, Ronaldo, Rivaldo e Ronaldinho), e atribuiu a conquista ao seu esforço, não ao seu talento.


"Dos cinco brasileiros que foram os melhores do mundo, provavelmente eu não sou o mais talentoso de todos eles. Agora, provavelmente eu seja o mais profissional de todos eles. Só no talento eu não ia resolver, como alguns resolvem. Eu entendi que precisava correr mais do que esses caras", concluiu.


O "Grande Círculo" com Kaká será exibido no próximo sábado (29), às 21h (horário de Brasília), no SporTV.

fonte: uolespórtetv



0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por JORNAL ESPORTE SAÚDE. Orgulhosamente criado com CRIATIVA WEB & PUBLICIDADE