• Jornal Esporte e Saúde

Por 17 votos a 9, CCJ do Senado aprova relatório da reforma da Previdência

Agora, os parlamentares analisam as emendas do parecer na Comissão de Constituição e Justiça. A expectativa é de que o texto aprovado siga para votação em primeiro turno no Plenário ainda na tarde desta terça-feira



Senadores da CCJ na reunião em que texto-base foi aprovado - Geraldo Magela/ Agência Senado.



Brasília - Por 17 a 9, os senadores da Comissão de Constituição e Justiça aprovaram o relatório da reforma da Previdência nesta terça-feira. Agora, os parlamentares analisam as emendas na CCJ. Seis emendas foram destacadas para análise mais detalhada pelos integrantes da comissão e devem ser votadas nominalmente. As informações são da Agência Senado.


Votaram 26 senadores, não houve nenhuma abstenção. O senador Paulo Paim (PT-RS) chegou a apresentar um voto em separado (relatório alternativo) com alterações mais significativas na própria PEC 6/2019, o que obrigaria o retorno da proposição à Câmara dos Deputados. No entanto, o voto em separado nem chegou a ser avaliado pelos parlamentares.


Pelo acordo firmado entre os líderes partidários, o texto aprovado segue para votação em primeiro turno no Plenário do Senado, o que deve ocorrer ainda na tarde desta terça-feira.


O presidente Davi Alcolumbre (DEM-AP) quer concluir a votação em primeiro turno no Plenário ainda hoje, para que amanhã (2) o Congresso Nacional possa analisar vetos e votar a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). Em cada um dos turnos, a PEC da reforma da Previdência precisa de 49 dos 81 votos dos senadores.


* Por O Dia.


4 visualizações

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2023 por JORNAL ESPORTE SAÚDE. Orgulhosamente criado com CRIATIVA WEB & PUBLICIDADE